ABRIU-18

ABRIU-18, a mais nova revelação do Rock Gaúcho, chega ao mercado nacional com seu álbum de estréia “Patrão da Terra” trazendo vigor e atitude sonora! Formada em 2004, a banda constituída por Celo Guedes (vocais), Alvinho (guitarra e backing), André Zurita (guitarra e backing), Arturo Zurita (bateria) e Xico picadinho (contra-baixo) e influenciada por nomes como Papa Roach, Foo Fighters e Nickelback, já no seu álbum de estréia, revela vitalidade e uma pegada verdadeiramente Rock comparada às bandas gringas, levadas que atingem em cheio o grande público e temas vicerais sobre os encontros e desencontros do cotidiano e o lema “seja você mesmo” “Patrão da Terra” – gravado no estúdio Wilasco, em Porto Alegre, entre Outubro e Dezembro de 2004 – é, notoriamente, um dos mais qualificados e bem produzidos trabalhos do seu segmento. Destaque para as faixas “Pra Valer”, “A Recompensa”, “Vou Entender” e a faixa título “Patrão da Terra”. O nome ABRIU-18 remete a uma brincadeira de colégio, cuja essência exprime os conflitos, sentimentos e as regras da natureza humana. Assim é o jogo: reúne-se o maior número de meninos possível (e às vezes meninas também), uma bola e uma quadra fechada. Não há saídas, nem como escapar! Quem está com a bola grita: Abriu dezoitooooooo!… a contagem está aberta e a selvageria toma conta do lugar! Na medida em que os jogadores chutam a bola, e ela acerta os demais competidores, tem-se a contagem de zero a 18. É uma correria… uma gritaria…, e a adrenalina anuncia que a qualquer momento você pode ser atingido. Mas a tensão chega ao ápice quando o número 18 se aproxima. Aquele que leva a 18ª bolada vai pro paredão e recebe a temerosa missão de ficar parado na linha do gol, enquanto os demais participantes se colocam, um de cada vez, diante do “escolhido” e chutam a bola contra o alvo, projetando toda a sua fúria, angústia e, da sua forma, diversão. Isso tudo nos leva a crer que a vida é um verdadeiro Abriu-18 , onde a crueldade, o individualismo e a desordem imperam, e a existência de pessoas querendo te derrubar e te mandar pro paredão torna-se um desejo constante e uma necessidade permanente. É diante dessa atmosfera que surge o novo nome do Rock brasileiro: ABRIU-18 O primeiro álbum da ABRIU-18 nasceu junto com 2005, assim como a busca pelo lugar ao sol no cenário mainstream do Rock contemporâneo. Uma última informação: A música só eu sei, concorreu com mais ou menos 200 músicas na versão 2005 do Good Music Festival e foi classificada entre as 10 melhores, as quais farão parte do CD do Festival que sairá agora em novembro.

Contato:
E-Mail: [email protected]
Site: http://www.abriu18.com