Australian Brasil Festival: Acústico Reggae toca com nova formação

No dia 10 de maio, o Opinião será palco de um evento ainda inédito por aqui, dedicado ao melhor da surf music e suas variações. A primeira edição do Australian Brasil Festival vai colocar em ação os australianos do Spy v. Spy, um dos nomes mais cultuados do rock e do ska da Austrália, e representantes do reggae gaúcho, como a Produto Nacional e a Acústico Reggae, que aproveitará a oportunidade para fazer uma apresentação especial e comemorativa aos seus quinze anos de estrada. Juninho, baterista fundador do Natiruts; e Marcelo Magal, atual baixista do Biquini Cavadão, estarão juntos com o vocalista e guitarrista Zigomar “Ziggy” Jr. nessa empreitada. O repertório, como não poderia ser diferente, contará com músicas próprias e releituras desplugadas do grande Bob Marley.

SPY VS. SPY

A banda Spy v. Spy foi formada em 1981 em um dos subúrbios mais pobres da cidade de Sydney, chamado Glebe, e acabou se tornando um dos grupos mais verdadeiros e conceituados de toda a Austrália. Essa conquista se deve ao fato de, frequentemente, terem abordado fortes temas como o racismo e os sem-teto (letras que contestavam a sociedade de forma direta). O grupo acreditava em mudanças e sonhava com um planeta melhor para se viver.

Formado por Mike Weiley, Craig Bloxom e Cliff Grigg, os três pacíficos rapazes batizaram a banda com o nome Spy v. Spy e mais tarde tiveram que mudar para v. Spy v. Spy, pois uma revista em quadrinhos (Mad Magazine) já havia registrado o nome anteriormente. As primeiras gravações da banda foram o single “Do What You Say” e “Table Tea and Mix”, lançado em 1982, e o EP “Four Fresh Lemons”, que saiu em agosto do mesmo ano. Os primeiros trabalhos do grupo mostraram uma forte influência do ska, estilo que despertou certo interesse de toda a galera que frequentava os pubs locais na época.

Após alguns problemas internos entre 1983, o Spy v. Spy voltou em 1984 com o single “One of a Kind”, antes de debutar oficialmente com o álbum “Harry’s Reasons”, em março de 1986. Um álbum forte, com letras que abordaram temas sociais e políticos, emplacou três hits: na Austrália: “Injustice”, “Give Us Something” e “Harry’s Reasons”. Com um contrato com a WEA, a banda lançou “A.O. Mod. T.V. Vers” no mesmo ano. “Don’t Tear It Down” e “Sallie-Anne” foram as faixas que obtiveram mais destaque.

No começo de 1989, o Spy v. Spy seguiu para a Inglaterra, onde gravou seu quinto álbum, “Trash the Planet”, considerado o trabalho mais conciso e refinado da banda até hoje. Já no final de 1991, o baterista Cliff Grigg resolveu abandonar o grupo, sendo substituído por Mark Cuffe (ex-Ludwigs). E depois de um ano afastado dos holofotes, a banda assinou com a Sony para lançar, em 1993, “Fossil”. Em 1994, a banda se separou.

Não satisfeitos com os resultados dos seus projetos solo, o Spy v. Spy foi reformulado em 1996 e partiu para longa turnê pelo Brasil, por onde permaneceu até 1997. No ano seguinte, a banda gravou “The Honey Island Project”, que, infelizmente, não foi tão bem recebido como seus registros anteriores. Em 2003, o Spy v. Spy lançou seu primeiro disco ao vivo no Brasil, chamado “Meet Us Alive” e com todos os seus principais hits: “All Over the World”, “Trash The Planet”, “Hard Times”, “Don’t Tear It Down” e “White Room”. Atualmente a banda é formada por Mike Weiley (vocal e guitarra), Paul Greene (guitarra), Neil Beaver (baixo) e Mick Laws (bateria).

AUSTRALIAN BRASIL FESTIVAL
Onde: Opinião (Rua José do Patrocínio, 834)
Quando: 10 de maio, domingo, a partir das 19h
Classificação: 14 anos

Cronograma:
19h – abertura da casa
20h – Produto Nacional
21h – Acústico Reggae
22h15 – Spy vs. Spy

Ingressos:
Pista – LOTE PROMOCIONAL: R$ 40
Pista – 1º lote: R$ 50
Pista – 2º lote: R$ 60
Pista – 3º lote: R$ 70
No local: a definir
 
– Mais um 1kg de alimento não perecível (exceto sal e açúcar). Levar na noite do evento. Os alimentos serão doados para o Centro Espírita Luiz e Esperança – Cele (www.cele.com.br)
 
Pontos de venda:
Bilheteria oficial (sem taxa de conveniência): Youcom Bourbon Wallig

Demais pontos de venda (sujeito à cobrança de R$ 3 de taxa de conveniência):
– Youcom Shopping Praia de Belas, Bourbon Ipiranga e Barra Shopping Sul
– Multisom Andradas 1001, Canoas Shopping, Bourbon Novo Hamburgo e Bourbon São Leopoldo
– Online: www.minhaentrada.com.br/opiniao
 
Clube Assinante ZH (válido apenas para as lojas Youcom): 50% de desconto para sócio nos primeiros 100 ingressos / 20% de desconto para sócio e acompanhante nos demais ingressos

Produção: Opinião, Pisca Produtora, Carrasco Produções e CP Management

Informações:
www.opiniao.com.br
www.pisca.com.br
www.twitter.com/opiniao
[email protected]
(51) 3211-2838

Sobre Rock Gaúcho 13380 Artigos
O portal Rock Gaúcho está há 15 anos levando o que há de melhor do rock feito no sul do Brasil para todo o mundo através da Web! Siga-nos em nossas redes sociais e fique por dentro de tudo que acontece por aqui!