B.I.L apresenta Palco Alternativo

O coletivo Bandas Independentes Locais (B.I.L) orgulhosamente apresenta, em parceria com o projeto Caravana Cultural, o palco alternativo da festa do Trabalhador de Canoas, RS, no Centro Esportivo Eduardo Gomes. A tradicional festa do trabalhador rola nesta sexta-feira (01/05). Os portões do parque estarão abertos a partir das 8 horas, porém as atividades se iniciam às 9 horas. Pela manhã, as atividades serão informativas e de orientação a população, também estão previstas palestras e oficinas com os sindicatos de trabalhadores. O coletivo B.I.L entra em ação a partir das 14 horas, com os shows das bandas representantes do movimento, são elas; Sleeping Bags, The Efficients, Nunca mais!, Collor Vinte, Los Cochos Virados, ANTZ, CFC, Maydays, Processo Inverso, Desprezo e Ódio, I.C.H, Dedo do Meio, Croocked, K.A.S e Minha Banda. As bandas citadas acima foram decididas na reunião geral do BIL, realizada no último sábado, (25/04). Após um convite da secretaria municipal de Cultura, através do Secretário Jeferson Assumção e do Diretor de eventos Betinho, da Trem Bahla. Sobre o B.I.L. No dia 07 de maio, comemoramos exatos quatro anos de existência e durante esse período muita coisa passou, e também passamos por muitos lugares. Enfrentamos muitas dificuldades com sede e com vizinhos, além dos problemas do dia-a-dia. Durante esses quatro anos muita coisa mudou, aliás, Canoas mudou. Quando o B.I.L foi criado, em 2005, a principal reclamação dos integrantes das bandas locais era a falta de espaço para shows alternativos em Canoas. A cidade que havia revelado diversas bandas e era conhecida pela sua cena de skate, permaneceu em um hiato de dois anos sem shows, até que da união daquelas pessoas insatisfeitas com a situação da cena do município foi criado o coletivo Bandas Independentes Locais, o B.I.L. Daquela reunião em que surgiria o coletivo, ficaria anotado que o principal objetivo seria o de salvar a cidade da mesmice e tédio sem fim e ressuscitar a cena independente de Canoas e, hoje, quatro anos após o nascimento do coletivo temos muito orgulho de afirmar que parte do nosso objetivo foi concluído. Não digo que atingimos totalmente nossas metas, pois sempre há algo a mais para ser feito e com essa intenção é que continuamos batalhando dia após dia em nome da cena independente. Em quatro anos foram realizados 46 shows. Mais de 80 bandas já tocaram, não apenas de Canoas, mas também de POA, Esteio, Sapucaia, Novo Hamburgo, Campo Bom, Gravataí, Terra de Areia, Blumenau (SC), Curitiba, Santiago (Chile) e Buenos Aires (Argentina) e três coletâneas foram lançadas (2006/2007/2009). Além disso, centenas de pessoas se mobilizaram em prol da nossa causa e hoje contamos com o apoio dessas pessoas e juntos vamos construir um coletivo cada vez mais forte e unido.

Sobre Rock Gaúcho 13840 Artigos
O portal Rock Gaúcho está há 15 anos levando o que há de melhor do rock feito no sul do Brasil para todo o mundo através da Web! Siga-nos em nossas redes sociais e fique por dentro de tudo que acontece por aqui!