Banda Monema revela “Olhando pra Lua”, segundo single do grupo

Monema / Fernanda Chemale

Após o sucesso do lançamento do single de estreia, Cético, em junho deste ano, a banda Monema lança agora sua segunda música, Olhando pra lua, em parceria com o selo Take One Records. A nova faixa tem produção musical assinada por Marcelo Fruet e traz novamente uma letra que fala de amor, unindo elementos do mundo real e imaginário, apresentando, ainda, uma sonoridade única, que mistura pop, rock, folk, com uma pegada leve, animada e com clima de verão.

Com Danúbio na voz e no violão, Brayan na guitarra, André Medeiros no baixo e Milhoranza na bateria, a Monema é novidade na cena musical do país. O quarteto de Porto Alegre traz em suas canções a influência do pop rock brasileiro dos anos 80 e 90 e da MPB, criando um estilo único, despretensioso e cheio de leveza, com letras autorais que exploram as sutilezas do cotidiano.

A banda é a nova aposta de Marcelo Fruet, um dos mais requisitados produtores musicais do Sul do Brasil, responsável pela alavancagem estética de artistas como Dingo Bells, Apanhador Só, Pública, Mulamba, Da Guedes e Chimarruts. O profissional trabalha com a Monema em seu álbum de estreia, previsto para ser lançado no primeiro semestre de 2019, e destaca Olhando pra lua entre as criações do grupo: “É uma canção pop, no melhor sentido da palavra. Leve, fácil, viciante e interessante. Uma das obras-primas da banda”.

Apesar de estar sendo lançada agora, Olhando pra lua tem uma longa trajetória. A música começou a ser composta por Danúbio no verão de 2015, na praia de Garopaba, no litoral catarinense, e quase acabou sendo deixada de lado. “Estávamos ensaiando outras músicas e queríamos gravar uma demo que chamasse a atenção do Fruet. Olhando pra lua eu sequer tinha apresentado para a banda ainda. Certo dia, depois de um ensaio, toquei ela despretensiosamente no violão, e o Jojô, nosso guitarrista à época, achou que a música tinha potencial e precisava ser incluída na demo. No fim das contas, entre as faixas que apresentamos ao Fruet, essa foi a que ele mais gostou, dizendo que era um hit!”, conta Danúbio.

Além de ter se destacado pela melodia cativante, a letra do novo single também chama a atenção. “A imagem simbólica da lua, nessa canção, é a do refúgio de um sonhador, que se desliga da realidade por alguns instantes e vai ‘navegar no alto ar’, ficar brincando de pensar”, reflete Danúbio.

Olhando pra lua chega para o público em formato de single e também em clipe. O vídeo foi gravado entre amigos, em clima descontraído na Ilha Grande dos Marinheiros, em Porto Alegre, no último mês de outubro. O clipe tem produção da Pitanga Filmes, direção de Diego Tezzoni e Matheus Mombelli, direção de arte de Valentina Mombelli, edição de Renata Fischmann e finalização de Diego Tezzoni.

O novo trabalho já pode ser ouvido nas plataformas digitais, e o clipe está disponível na fanpage do Facebook e no Youtube da banda. A música será apresentada ao vivo neste domingo, dia 9 de dezembro, a partir das 15h, no Porto Alegre Festival, que ocorre no DC Shopping, com entrada franca, e que também tem shows de artistas como Pata de Elefante, Funkalister e Marcelo Gross.

Assista o clipe de Olhando pra lua em monema.band/clipe

Para escutar a nova música, acesse também:
monema.band/mp3
monema.band/spotify
monema.band/deezer
monema.band/applemusic
monema.band/googleplay
facebook.com/monemaoficial
instagram.com/monemaoficial

SERVIÇO
Show de lançamento de Olhando pra lua
Dia 9 de dezembro, domingo, às 15h, no Porto Alegre Festival
DC Shopping (R. Frederico Mentz, 1561 – Navegantes – Porto Alegre/RS)
Entrada franca

por Jéssica Barcellos

Sobre Rock Gaúcho 1562 Artigos
O portal Rock Gaúcho está há 15 anos levando o que há de melhor do rock feito no sul do Brasil para todo o mundo através da Web! Siga-nos em nossas redes sociais e fique por dentro de tudo que acontece por aqui!

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.