Confira Faixa-a-Faixa do novo álbum da Apocalypse

O novo álbum do APOCALYPSE, The Bridge Of Light, já está sendo prensado em Manaus. Esse será o décimo trabalho da carreira desses heróis do rock progressivo brasileiro, o primeiro lançamento pela nova gravadora da banda, a Free Mind Records.Previsto para chegar nas lojas até novembro, o álbum foi gravado ao vivo e é dividido em dois atos distintos: Act I com as faixas The Dance of Dawn, Next Revelation, Last Paradise, Dreamer, Meet Me e Ocean Soul; e Act II que traz uma suíte conceitual dividida em sete partes contando a história de um dia na vida de um garoto órfão chamado Jimmy e de seu fiel amigo Z14, que procuram por respostas existenciais num velho parque abandonado. O vocalista/flautista Gustavo Demarchi e o tecladista Eloy Fristch comentam todas as faixas do álbum abaixo: Act IPor Eloy Fristch 1. Next Revelation – A vibração do público presente contagia o Apocalypse que coloca toda a sua energia na abertura do show com a sua próxima revelação. 2. Dreamer – Música dedicada a todos que sonham com um mundo melhor. Aqueles sonhadores que fazem o mundo valer a pena. 3. Ocean Soul – Uma música mística que fala sobre a sensação de grandiosidade, adoração e energia que a imensidão das águas em movimento no oceano proporcionam ao ser-humano. 4. Last Paradise – Uma música dividida em duas sessões e que inicia com uma bela melodia tocada ao violino por Hique Gomez. A letra conta sobre a travessia dos oceanos na busca pelo último dos paraísos. 5. Dance of Dawn – Com ritmos provindos do jazz, esta música possui passagens contrastantes. Na segunda parte destacam-se os vocais e o solo de flauta. 6. Meet me – Uma canção com destaque para o vocal. Uma música com um bonito refrão que fala do amor entre duas pessoas e um encontro no topo do céu. Act II – The Bridge of LightPor Gustavo Demarchi 1. Wake up Call – O personagem Jimmy desperta para iniciar o dia. Canção climática onde as guitarras e os teclados dão o mote principal. 2. To Madeleine – Jimmy deixa uma carta a Madeleine, sua mãe adotiva, onde revela sua busca. Faixa mais voltada ao Neo Prog. 3. Escape – Primeiro contato do garoto com o mundo exterior. Canção com ênfase nas guitarras e vocais, possuindo um interlúdio climático. 4. Welcome Outside – Jimmy chega aos subúrbios e começa a se deparar com os perigos de estar longe de casa. Influência de Hard Rock setentista. Provavelmente a mais pesada do álbum. 5. Meeting Mr. EarthCrubbs – Jimmy consegue chegar ao parque. Lá ele conhece o temido Mr. EarthCrubbs. O contrabaixo introduz o tema totalmente inspirado nos anos 70 que é complementado pela flauta transversal e violino, dando um ar clássico dramático à canção. 6. Follow the Bridge – Jimmy finalmente descobre sua origem, e com Z14, trava uma batalha contra os homens de EarthCrubbs, que guarda um final trágico. Climas jazzísticos e influências do progressivo clássico setentista. 7. Not Like You – Desfecho da história na mais singela canção e primeiro single do álbum (já disponível no Myspace da banda: www.myspace.com/apocalypsebr).Aqui o diferencial é o violão e os vocais. Mais Informações:www.apocalypseband.comwww.myspace.com/apocalypsebrwww.apocalypsefc.kit.net (Fã-Clube)www.orkut.com.br/Main#Community.aspx?cmm=2164196 (Comunidade do Orkut)

Sobre Rock Gaúcho 13768 Artigos
O portal Rock Gaúcho está há 15 anos levando o que há de melhor do rock feito no sul do Brasil para todo o mundo através da Web! Siga-nos em nossas redes sociais e fique por dentro de tudo que acontece por aqui!