CPM 22 apresenta turnê “Suor e Sacrifício” em Porto Alegre

CPM 22 / Mateus Mondini

O CPM 22, um dos grupos mais importantes do cenário hardcore nacional, vai voltar a ao Opinião, no dia 7 de maio, com mais um show da turnê do seu trabalho de estúdio mais recente, chamado “Suor e Sacrifício” e lançado em 2017. O álbum, que ainda tem o single “Ser Mais Simples” em execução nas principais rádios FM’s do país, será a grande atração da noite, que também vai passar a limpo boa parte dos outros seis discos da banda, entre eles os clássicos “Felicidade Instantânea”, “Chegou a Hora de Recomeçar” e “Cidade Cinza”, esse último vencedor do Grammy Latino em 2008, na categoria “melhor álbum de rock brasileiro”. No repertório, entre outras novidades e até mesmo algumas surpresas, as canções “Dias Atrás”, “O Mundo Dá Voltas”, “Um Minuto para o Fim do Mundo” e “Regina Let’s Go” terão presença mais do que garantida, assim como os outros hits que o público aprendeu a cantar ao longo das últimas duas décadas. O primeiro show da turnê “Suor e Sacrifício” que o CPM fez em Porto Alegre, em julho de 2017, ganhou um vídeo especial, com diversas cenas de bastidores, e está disponível no Youtube para quem quiser assistir.

CPM 22

Em um universo tão subjetivo, não se mensura a importância de uma banda somente por sua musicalidade, mas também pela história e pelo legado deixado por ela. E nesses mais de 20 anos de estrada, o CPM 22 vem construindo a sua trajetória, seja pelos inúmeros hits, seja pelos milhares discos vendidos, seja por ser a primeira banda de punk rock/hardcore a chegar ao mainstream, seja pelos VMB’s, Grammy’s e todos os outros prêmios. Seja pelo que for, o fato é que o CPM 22 cravou, para sempre, a sua bandeira na linha do tempo do rock brasileiro.

O espírito do grupo atravessou a fronteira das gerações e isso se comprova a cada show, onde é cada vez mais natural ver pai e filho, em meio a massa de camisetas pretas, entoando cada palavra de cada música. Talvez o fator mais importante para alcançar tamanho respeito e longevidade em uma cena tão volátil, em que artistas e bandas “pré-fabricados” são despejados aos montes, seja porque o CPM 22 conseguiu manter a sobriedade e não se rendeu a ondas momentâneas ou fórmulas mercadológicas, mantendo a sua música de maneira integra, até os dias de hoje.

No palco, o CPM 22 encontrou a sua formação mais concisa até hoje e o tempo na estrada só trouxe melhorias ao grupo. Badauí (vocal), Luciano Garcia (guitarra), Japinha (bateria), Fernando Sanches (baixo) e Phil Fargnoli (guitarra) se mostram músicos seguros, de grande calibre, donos de todo o cenário e totalmente entrosados, executando músicas novas ou clássicos antigos.

Ainda excursionando o Brasil inteiro com a turnê do seu mais recente trabalho de estúdio, chamado “Suor e Sacrifício”, o CPM 22 também lançou há pouco tempo mais um disco ao vivo. “Ao Vivo no Rock in Rio” conta com a apresentação que a banda fez no festival, em 2015. O primeiro single do material, uma versão cheia de energia para “Tarde de Outubro”, está disponível em todos os principais serviços de streaming e foi um dos grandes sucessos recentes da banda no Youtube, com mais de 500 mil visualizações.

CPM 22
Onde: Opinião (Rua José do Patrocínio, 834)
Quando: 7 de maio, quinta-feira, a partir das 23h
Abertura da casa: 21h30
Classificação: 16 anos

Ingressos:

Lote 1:
Solidário (valor reduzido, com a doação de 1kg de alimento não perecível, disponível para qualquer pessoa): R$ 45
Estudantes e idosos (desconto de 50%): R$ 40
Inteira: R$ 80

Lote 2:
Solidário (valor reduzido, com a doação de 1kg de alimento não perecível, disponível para qualquer pessoa): R$ 55
Estudantes e idosos (desconto de 50%): R$ 50
Inteira: R$ 100

Lote 3:
Solidário (valor reduzido, com a doação de 1kg de alimento não perecível, disponível para qualquer pessoa): R$ 65
Estudantes e idosos (desconto de 50%): R$ 60
Inteira: R$ 120

Lote 4:
Solidário (valor reduzido, com a doação de 1kg de alimento não perecível, disponível para qualquer pessoa): R$ 75
Estudantes e idosos (desconto de 50%): R$ 70
Inteira: R$ 140

* Os alimentos deverão ser entregues no Opinião, no momento da entrada ao evento.
** Para o benefício da meia-entrada (50% de desconto), é necessária a apresentação da Carteira de Identificação Estudantil (CIE) na entrada do espetáculo. Os documentos aceitos como válidos estão determinados na Lei Federal 12.933/13.

Demais descontos:
* 50% para idosos: Lei Federal 10.741/03 – obrigatória apresentação de identidade ou documento oficial com foto.
* 50% para jovens pertencentes a famílias de baixa renda: Lei Federal 12.933/13 – obrigatória apresentação da Carteira de Identidade Jovem e de documento oficial com foto.
* 50% para pessoas com deficiência (e acompanhante quando necessário): Lei Federal 12.933/13 – obrigatória apresentação do Cartão de Benefício de Prestação Continuada da Assistência Social da Pessoa com Deficiência ou de documento emitido pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS).
* 50% para doadores regulares de sangue: Lei Estadual n° 13.891/12 – obrigatória apresentação de documento oficial válido e expedido pelos hemocentros/bancos de sangue.
* 50% para sócio do Clube do Assinante ZH.

Pontos de venda:
Bilheteria oficial (sem taxa de conveniência – somente em dinheiro): Loja Verse Shopping Lindoia

Demais pontos de venda (sujeito à cobrança de R$ 5 de taxa de conveniência – somente em dinheiro):
– Loja Verse Andradas 1444 – Galeria Chaves
– Lojas Planeta Surf – Shopping Iguatemi, Praia de Belas, Bourbon Wallig, Barra Shopping Sul e Bourbon Ipiranga

Online: www.sympla.com.br/opiniao

Informações:
www.opiniao.com.br
www.facebook.com/opiniao.produtora
www.twitter.com/opiniao
(51) 3211-2838

Sobre Rock Gaúcho 2729 Artigos
O portal Rock Gaúcho está há 15 anos levando o que há de melhor do rock feito no sul do Brasil para todo o mundo através da Web! Siga-nos em nossas redes sociais e fique por dentro de tudo que acontece por aqui!

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.