Cuscobayo com laçamento representando o sul no Natura Musical

Cuscobayo / Paulo Pretz

A Cuscobayo traz como traço importante desde o princípio de sua trajetória, um discurso urbano rio grandense, entendendo que o Rio Grande do Sul não se trata apenas do estado mais meridional do país, mas que de certa forma transcende o conceito de “Sul Do Brasil” para se tornar um ponte cultural.

Mesmo carregando em sua sonoridade a estética “folklore campeiro”, dialoga com com os ritmos urbanos da região como a cumbia, o candomble, a murga e traz o restante do Brasil no samba e baião. Todas essas referências tornam-se no que é descrito pela banda como a nova música urbana gaúcha.

Esse reconhecimento, levou o novo projeto da banda a ser um dos vencedores do concurso nacional Natura Musical.

Contando com a sorte da “Roda da Fortuna”, música que ganhou clipe recentemente, a banda Cuscobayo agora lança o single nas plataformas de streaming. Apesar de uma faixa independente, “Roda da Fortuna” já aponta o novo caminho que banda começa a trilhar.

O novo disco será financiado pelo projeto Natura Musical, que já lançou trabalhos de artistas como Lenine e Elza Soares.“Nossa verdade segue sendo a mesma, mas agora estamos inserindo mais elementos nas músicas e nosso show já está com um visual diferente”, explica Rafael, vocalista da Cusco.

“Nossas letras estão mais realistas, cruas e sociais. Apesar da vibe pra cima, esse single já aponta para esse lado também”, conta. A música estará disponível nas plataformas de streaming a partir de 16 de Agosto. E o clipe? É só curtir no YouTube.

por Loop Discos

Fonte: Loop Discos

 

Sobre Rock Gaúcho 2286 Artigos
O portal Rock Gaúcho está há 15 anos levando o que há de melhor do rock feito no sul do Brasil para todo o mundo através da Web! Siga-nos em nossas redes sociais e fique por dentro de tudo que acontece por aqui!

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.