Diego Lopes lança álbum solo no Ocidente Acústico

No dia 5 de maio, quinta-feira, a partir das 21hs, Diego Lopes (baixista dos Acústicos & Valvulados) faz show de lançamento de seu álbum solo no Ocidente Acústico (João Telles esq. Osvaldo Aranha). Os ingressos custam R$ 25,00 no local.

Serviço:
O QUE: Ocidente Acústico – edição 825 – Show com: Diego Lopes  – Lançamento do álbum Tabuleiro
QUANDO: 5 de maio (quinta) de 2016 – 23 horas – a casa abre às 21 horas
Ingressos: R$ 25,00 (vinte e cinco reais)
ONDE:  Ocidente – João Telles esq. Osvaldo Aranha
INFORMAÇÕES: (51) 3012 2675 –  www.barocidente.com.br   
Realização: Rei Magro Produções / 9142-1589

Sobre o álbum

Cuidado! Atenção, desavisados: quando um compositor é colocado à prova ele pode se enfurecer e mostrar o que de melhor sabe fazer: música da melhor qualidade, arte que ficará perpetuada para todo o sempre, música, enfim… que foge das obviedades reinantes. Diego Lopes, no disco “Tabuleiro” (produção independente, lançamento Plus Records, 2016) consegue mostrar em 12 faixas toda a sua capacidade criativa, seja compondo as letras e músicas, seja produzindo com firmeza a concepção artística do disco. Em tempo, “produção musical” ou “produzir um disco” é aquela tarefa de um sujeito que para a sorte ou azar da banda-intérprete, tem a palavra final sobre como será o resultado (pós mixagem-masterização) de tudo o que foi registrado em estúdio ou em casa. Nem sempre o próprio compositor-artista-performer sabe ao certo como proceder na produção do disco.

Diego sabe desempenhar também este papel: assina a produção deste trabalho mais recente. Um grande trunfo de um produtor bacana é saber dirigir os músicos que participam no disco. Tem que ficar na medida e tem que saber valorizá-los. Diego tocou piano, percussão, violões, guitarras, clavinete, piano Fender Rhodes, voz principal, backings e mais uma pá de coisas, e cercou-se de poucos mas valorosos colaboradores para erguer o disco “Tabuleiro”, músicos com excelentes serviços prestados ao (mais vivo do que nunca) rock gaúcho: o disco contou com Daniel Mossmann (Pata de Elefante, Acústicos e Valvulados) nas guitarras e percussão, Cristiano Bertolucci (Ney Van Soria, Comunidade Nin Jitsu, Funkalister) em todas as baterias, Luciano Leães no órgão Hammond (faixas Adeus, Adeus Reprise, Feitiço, Tabuleiro, Rei dos Excluídos) e o Vicente Guedes que também fez percussão.

Atuando como baixista dos Acústicos e Valvulados desde 2005, Diego desenvolveu anteriormente outros trabalhos nas bandas Tecnicolor, SuperD e Bebop.

por Frank Jorge

Sobre Rock Gaúcho 13768 Artigos
O portal Rock Gaúcho está há 15 anos levando o que há de melhor do rock feito no sul do Brasil para todo o mundo através da Web! Siga-nos em nossas redes sociais e fique por dentro de tudo que acontece por aqui!