Dr. Kaveira: Primeira tour no sul

Dr. Kaveira no RS / Marcius Pezzi

Grupo santista embarca para sua primeira tour no sul do país em novembro, serão duas apresentações dia 23 em Caxias do Sul e 24 de Novembro em São Leopoldo.

Se depender da Dr. Kaveira, as raízes do punk rock nunca serão esquecidas. Com toques do surf music e rockabilly e visual bem estiloso, a banda paulista promete muita originalidade e som de categoria na primeira tour da banda em solo gaúcho, que está sendo organizada para o final de novembro.

Apresentarão em seu repertório as canções de seu primeiro álbum, que está sendo finalizado e deve levar o nome do grupo. “Serão umas 20 músicas, que foram compostas nesse tempo e irão trazer letras misturando dores, morte, sofrimento, agonia e muita caveira”, diz Pedro Klincevicius, o Pedrão, guitarrista do grupo.

Fundada em Santos/SP no verão de 2016 por ex-integrantes dos grupos Cãibra Cerebral e Neurônios Dilacerados (bandas tradicionais do punk santista dos anos 90), a Dr. Kaveira traz ainda na formação os experientes Marcelo Ferrari, o Paulista, nos vocais; Fernando Duim no baixo e Paulinho Ferramenta na bateria.

A ideia no começo era apenas se divertir, segundo Pedrão. Dono de um dos estúdios mais conhecidos de Santos, o Dakota Inferno, o músico se juntou ao amigo Paulinho pra começar a fazer um som “nas tardes livres”.

Como já se conheciam da Cãibra Cerebral, Pedrão e Paulinho é que acabaram começando o novo projeto. Ao perceber que o som estava se desenvolvendo bem, se empolgaram. “O som tava bom, ao menos pra gente, né?”, brinca.

Assim acabaram chamando o Paulista pra fazer o vocal. “Começamos a ensaiar juntos e fomos percebendo que fluía. O Paulista já tinha tirado as letras ali mesmo, de cabeça e tudo se encaixou naturalmente”, diz Pedrão.

Foi então que chamaram Duim, amigo conhecido da noite. “O rock santista tem disso, a gente acaba se conhecendo e sem querer. E foi incrível receber esse convite”, diz Duim.
Ele, que também é baterista, já conhecia o Dakota, que funciona como QG do grupo. Quando era criança, ensaiava no local. “O Dakota é praticamente um patrimônio da cidade”, defende.

Autênticos, o grupo underground segue a linha de levar som próprio, mesmo com as dificuldades de se tocar música autoral sem se adaptar ao mercado. “Também não tocamos covers, somos uma banda autoral com identidade própria e mantemos a nossa personalidade”, ressalta Pedrão.

Se quiser conhecer mais o som deles, a página no Facebook é:
https://www.facebook.com/dr.kaveira/

Serviço:

Show em Caxias 23/11/18
https://www.facebook.com/events/259504141348477/

DRº KAVEIRA – São Paulo
OSSOS – Caxias do Sul
GERAÇÃO FINAL – Farroupilha
LIGANTE ANFETAMÍNICO – Caxias do Sul
D.L.M – Não Me toque

Quando – 23/11/18 Onde-Cervantes Brew Pub Local R. Matteo Gianella, 1007 – Santa Catarina, Caxias do Sul – RS, Hora: 22:00min

Ingressos :
https://www.sympla.com.br/vtc-sub-festival-ii—dr-kaveira—sp__354282

1º Lote R$10,00
2º Lote R$15,00
Na HORA R$20,00

Ponto de Venda antecipados Intruder Tattoo

por Tchaina por Sub_Discos

Fonte: Sub_Discos

Sobre Rock Gaúcho 6516 Artigos
O portal Rock Gaúcho está há 15 anos levando o que há de melhor do rock feito no sul do Brasil para todo o mundo através da Web! Siga-nos em nossas redes sociais e fique por dentro de tudo que acontece por aqui!