Eletroacordes banda assina com o selo Crossover (SP)

Eletroacordes Banda parte para uma nova etapa com o selo paulista (foto: Heitor Aguiar/digulgação)

Uma parceria inédita vai sedimentar a projeção dos trabalhos da Eletroacordes no cenário musical independente. A banda assinou contrato com o selo Crossover, de São Paulo (SP) no último mês. O objetivo, além de ampliar a participação nas plataformas digitais, prevê o lançamento de dois CD’s ainda em 2020. Este movimento inclina-se para a maior presença no ambiente virtual diante dos cancelamentos de shows do trio gaúcho em razão da pandemia.

Dentre os lançamentos, uma coletânea celebrando os 12 anos da banda está em curso. O material, com canções remasterizadas e algumas inéditas vão compor o trabalho, com a inclusão de composições acústicas, ao vivo e instrumentais,totalizando 12 músicas. O título provisório “Doce Doze Doses” está previsto para ser lançado já em setembro. O outro trabalho, intitulado”Experience”, só com músicas inéditas da Eletros será postergado em razão do isolamento social, o que dificulta a gravação. Ainda assim, atendendo os protocolos de higienização, também está em fase inicial de produção na Casa Sonora com o registro de guias e captação sonora, realizada individualmente, ou de forma remota.

Já o trabalho com a Crossover, o produtor Felipe Faget auxiliará na nova etapa da banda, sobretudo com o incremento do trio nas plataformas digitais.Para ele, que possui um casting com 22 artistas e bandas e atua há 10 anos no mercado musical, a experiência com os músicos gaúchos, a exemplo do que já executa com demais bandas paulistas e de outros Estados, vai gerar novas expectativas nos fãs e ouvintes da Eletroacordes, mesmo em tempo de paralisação das atividades, momento esse, que torna-se propício para audições.Segundo Faget, “esse é o momento de se reinventar. Aproveitar o tempo sem shows, com diversos estúdios fechados e muita gente sem nem sequer a vontade de preparar um projeto novo, temos a oportunidade de nos estruturar,preparar para o que está por vir e aproveitar as oportunidades no momento de reabertura do mercado musical”, aponta.

A  Eletroacordes, que fecha em 2020 a atuação de 12 anos de atividades é formada por Rodrigo Vizzotto (voz e baixo), Luís Tissot (guitarra)e Mateus Melo (bateria). Possui três EP’s gravados, intitulados “RespireFundo” (2010), “Insanos” (2016) e “Sono Tão Profundo”(2019), além de ter participado de cinco coletâneas. Possui seis clipes roteirizados acessíveis no Canal Eletroacordes no You Tube e mais  de 140 shows. Presente em todas as Redes Sociais (https://linktr.ee/eletroacordes),a Eletroacordes resume os projetos da banda no site www.eletroacordesbanda.com

por -- ASSESSORIA DE IMPRENSA - Rodrigo Vizzotto (51) 99132.1312

Sobre Rock Gaúcho 2967 Artigos
O portal Rock Gaúcho está há 15 anos levando o que há de melhor do rock feito no sul do Brasil para todo o mundo através da Web! Siga-nos em nossas redes sociais e fique por dentro de tudo que acontece por aqui!

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.