Fundação Thiago de Moraes Gonzaga lança CD com show de 12 atrações gaúchas

Será lançado hoje um CD que traz no título uma causa: Vida Urgente in Concert. Nas 18 faixas que compõem o álbum e no palco do Teatro do Bourbon Country, estarão músicos gaúchos que literalmente vestiram a camiseta da campanha empreendida pela Fundação Thiago de Moraes Gongaza, que há 12 anos trabalha para evitar que outros jovens, como Thiago, percam a vida no trânsito. O movimento teve início justamente com música. No dia 20 de maio de 1996, um ano depois que Thiago morreu, seus pais, Régis e Diza promoveram um show para lançar a Campanha Vida Urgente. – Se chorar trouxesse o Thiago de volta, faria a campanha do choro. Mas não traz. Então, tem que ser uma campanha de vida – anuncia Diza, presidente da fundação. Desde o início, Diza contou com o apoio de músicos e realizou três concertos. O quarto, nesta noite, celebra o lançamento do CD que reúne artistas que voluntariamente cederam os direitos de suas canções: todas tão alegres como a campanha. Para cada um deles, Diza tem uma história para contar ou um agradecimento. Humberto Gessinger era ídolo de Thiago; Armandinho, diz a presidente, está vindo de Santa Catarina, onde mora, só para tocar, mesmo sem cachê; Sady, do Nenhum de Nós, está sempre com a camiseta. – Tenho até vontade de pegá-lo no colo, mas não dá porque ele é grandão – brinca Diza. O CD abre e fecha com o reggae da Chimarruts. A primeira faixa é Vida Urgente, composta por Nê, 28 anos, que toca flauta e harmônica na banda. Aos 16 anos, ele perdeu em um acidente de trânsito o padrinho, Jairo, quem primeiro o incentivou na música. Então, quando surgiu o Vida Urgente, logo tomou parte. Um dia, dirigindo em direção a Viamão, passou por carros acidentados na estrada e, ao chegar ao sítio para onde ia, escreveu a letra da canção que hoje faz parte do repertório do coral de pais que perderam seus filhos no trânsito. – Fico feliz que essa música tenha chegado como um certo conforto para quem teve uma perda. E fica de alerta para a gurizada – diz Nê. Armandinho, que participa do CD com Casinha, veste a camiseta desde 2003. É a forma que encontrou para dar seu recado: – Como meu público é jovem e já houve algumas mortes por acidente em shows que realizei, me senti responsável pela segurança dos adolescentes que vêm me prestigiar e entrei de coração no movimento. Além das atrações confirmadas para o show (confira no quadro à direita), fazem parte do CD as bandas Fresno, Papas da Língua e Ultramen. Engenheiros do Hawaii e Cidadão Quem estão no álbum e serão representados no palco por Humberto Gessinger e Duca Leindecker, que formaram a dupla Pouca Vogal. Da Chimarruts, o vocalista Rafa Machado estará presente e deverá cantar junto com Armandinho. Assim, compõe-se a miscleânea de estilos, do reggae ao rock. – Todos com a mesma causa – diz Diza.

Sobre Rock Gaúcho 13768 Artigos
O portal Rock Gaúcho está há 15 anos levando o que há de melhor do rock feito no sul do Brasil para todo o mundo através da Web! Siga-nos em nossas redes sociais e fique por dentro de tudo que acontece por aqui!