Grito Rock Porto Alegre edição 2011 acontece no próximo domingo

A quarta edição do Grito Rock em Porto Alegre acontece no próximo domingo, dia 20 de março. O maior festival integrado do planeta traz à Capital bandas de diversas cidades do Sul do país para uma única apresentação, que ocorrerá na Usina do Gasômetro.

O Grito Rock é uma realização de agentes da Associação Sonar Cultural. Funciona como o vetor principal de todo o potencial do Circuito Fora do Eixo, rede brasileira que une agentes da cadeia produtiva de música e cultura urbana em todas as regiões do País. Ao todo são 6 bandas a subir no palco externo da Usina. Além das apresentações musicais, estará disponível uma banca para comercialização dos produtos das bandas.

Na Capital gaúcha, após duas edições realizadas em espaços internos, em 2010 o rock ganhou a rua e o Grito Rock foi realizado num dos pontos mais conhecidos da cidade, o Brique da Redenção. Ocorreu durante o carnaval, possibilitando um atrativo diferenciado para quem não aprecia a festa do Rei Momo. Este ano a ideia permanece, valendo-se do espaço ao ar livre para aproximar público e artista.

Bandas:
– Calibre (Porto Alegre – RS)
– Velho Junk (Florianópolis – SC)
– Big Zen Voodoo (Porto Alegre – RS)
– Alcaphones (Porto Alegre – RS)
– Devisionsex (Novo Hamburgo – RS)
– Feizer (Porto Alegre – RS)

Histórico

Fomento e profissionalização da cena independente da música foram as forças motrizes que fizeram nascer em Cuiabá a primeira edição doGrito Rock, em 2003, quando o Espaço Cubo escolheu o período de carnaval para a realização de um festival de baixo orçamento e com possibilidade de auto-gestão.

A primeira edição foi pequena. Em um dia de shows, seis bandas locais evidenciaram a proposta de fomento ao som autoral em contraponto ao predominante contexto do “cover” à época. Desde então, o festival cresceu. Em 2004 ocorreu um intercâmbio em nível regional. Bandas de Campo Grande foram escaladas para o set list do festival.

Em 2005, o delineamento programático evidenciou-se ainda mais com a intensificação do intercâmbio e interiorização das ações. Na programação, seis bandas por dia, somando ao todo 24, sendo três de Mato Grosso do Sul e duas de municípios mato-grossenses como, entre eles Sorriso e Sinop.

Em 2006 veio a consolidação. O surgimento da Associação Brasileira de Festivais (ABRAFIN) e, em especial, do Circuito Fora do Eixo,promoveu um boom no que tange a articulação de produtores, refletindo-se na programação apresentada. Foram escaladas bandas do norte, nordeste, sudeste, além de várias outras do centro-oeste do país. Ao todo, dez estados representados por vinte e oito bandas. Além da programação, um marco histórico para o circuito aconteceu nesse momento, quando a primeira reunião de produtores Fora do Eixo pontuaria as três premissas básicas de trabalho do CFE: a circulação de bandas, produtores e jornalistas, a distribuição de produtos culturais e o estímulo à produção de conteúdo através da comunicação.

Em 2007 e 2008 o projeto ganha nova faceta, e é adotado como um dos projetos do Circuito Fora do Eixo. Na ocasião, mais cidades entram na rede de ações e o projeto passa a ser realizado em dezenas de cidades no período do carnaval. No primeiro ano foram mais de 20 cidades integradas a rede do projeto; em 2008 o número saltou para 50. Em 2009 o Grito Rock cresceu ainda mais, atingindo a marca de mais de 80 cidades integradas a rede.

Serviço:
Grito Rock Porto Alegre 2011
Quando: 20 de março Domingo
Local: Palco Externo da Usina do Gasômetro
Horário: a partir das 14h
Entrada Franca

Sobre Rock Gaúcho 13768 Artigos
O portal Rock Gaúcho está há 15 anos levando o que há de melhor do rock feito no sul do Brasil para todo o mundo através da Web! Siga-nos em nossas redes sociais e fique por dentro de tudo que acontece por aqui!