Humberto Gessinger e Thedy Correa são alguns dos artistas que participaram da nova versão de “Tempo Perdido”

Trecho do clipe extraído do YouTube

A 89FM A Rádio Rock e Dado Villa-Lobos fizeram juntos uma nova versão da música “Tempo Perdido” escrita por Renato Russo e lançada pela Banda Legião Urbana em 1986.

Atemporal, a letra foi escolhida para pontuar o momento em que nos encontramos, de “manhãs cinzas de sol”, com vontade de se sentir “distantes de tudo” e de “lembrar e esquecer como foi o dia” , mas “sempre em frente”. Pontuar a pandemia através da arte tem o intuito de trazer um pouco de leveza para uma sociedade que vem sendo constantemente massacrada por notícias difíceis de se digerir.

As poderosas vozes e performances dessa versão são: André Frateschi, Badauí, Bianca Jordão, Branco Mello, Bruno Gouveia, Dado Villa-Lobos, Digão, Dinho Ouro Preto, Egypcio, Érika Martins, Frejat, Humberto Gessinger, Léo Jaime, Lourenço Monteiro, Lucas Vasconcellos, Mingau, Miranda Kassin, Nasi, Pedro Calais, Pitty, Rincon Sapiência, Rogério Flausino, Supla e Thedy Correa.

Todos os artistas gravaram de suas próprias casas, respeitando o período de isolamento social, criando uma versão inédita e sem fins lucrativos de um dos maiores sucessos do rock nacional.

DADO VILLA-LOBOS & RÁDIO89FM | TEMPO PERDIDO quarentena

Ficha Técnica:

Música produzida e gravada por: DADO VILLA-LOBOS e LOURENÇO MONTEIRO (bateria)

Mixagem e Edição de Som: ESTEVÃO CASÉ
Edição de Imagens: CLARA CAVOUR
Mensagem Final: LUKA
Assistente Técnico: YURI DANKA
Texto: MARCELE BECKER

Produção Executiva: FERNANDA VILLA-LOBOS e JOSÉ DE CAMARGO JUNIOR

Saiba mais em https://www.facebook.com/watch/?v=1565081570333366

Sobre Rock Gaúcho 3008 Artigos
O portal Rock Gaúcho está há 15 anos levando o que há de melhor do rock feito no sul do Brasil para todo o mundo através da Web! Siga-nos em nossas redes sociais e fique por dentro de tudo que acontece por aqui!

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.