Luciana Pestano lança o CD Tigra no Ocidente Acústico

Ela não tem meias palavras. A cantora e compositora gaúcha Luciana Pestano sempre disse claramente o que pensa, em conversas e em música. Tigra, seu segundo CD, é uma conversa franca e direta com o mundo. Sim, o interlocutor somos todos nós. Boa melodista e letrista inspirada, Luciana Pestano não hesita ao expor seus sentimentos e pensamentos de modo claro, direto e envolvente. Rock nas artérias e entranhas. Produzido por um timaço formado pela própria Luciana e por Herbert Vianna, Jr Tostoi, Marcos Cunha, Rodrigo Campello e Mu Chebabi, Tigra tem dez canções, todas inéditas, algumas com parceiros. O CD abre com a provocadora Dia Zen, onde Luciana se propõe a virar do avesso um dia que se avizinha absolutamente normal. Mais inconformista e provocador, impossível. Maciez mostra o quão difícil é segurar as emoções, represar as idéias. Melhor expô-las, sem dúvida. Arpoador é uma dolorida canção sobre o amor que está acabando, aquelas situações incontornáveis e incontroláveis. Um amor que vai ralo abaixo. Entre Você e Eu (parceria com Gastão Villeroy) é outra canção sentimental, que fala da necessidade de tentar salvar um relacionamento. Participação de Herbert Vianna. Trovão é outra forma de cantar a paixão. Numa relação, os envolvidos tentam provar que um é a solução para os problemas do outro. A pulsante Tigragem (parceria com Mu Chebabi) é o retrato de uma mulher que quebra a cara constantemente mas é brigadora, se vira, toca a vida em frente. Tem uma roupagem pré-hip hop que lembra os melhores momentos de Fausto Fawcett. A Lôca (parceria com Antonio Villeroy) funciona como espécie de auto análise. Afinal, todo mundo tem seu dia de loucura, de piração, de descontrole, não é? A canção Hora de Ir é um perfil da impossibilidade de permanecer estagnado diante da vida. Tudo muda, tudo roda. A balada Leonino versa, de modo inteligente, sobre as certezas e incertezas do coração. Recém-Chegado, que fecha o repertório, é raio-X de alguém que busca sua posição no mundo. O disco é todo pontuado por programações bem feitas e guitarras afiadas, por vezes em contraponto com belos violões. A adornar essa vestimenta e as belas canções, a voz rouca e o inegável carisma interpretativo de Luciana Pestano. Não é fácil se expor de modo tão claro. E ela o faz com qualidade, musicalidade e coragem. O show de lançamento do CD Tigra conta com as participações especiais dos talentosos BEBETO ALVES (agraciado no último Troféu Açorianos Pelo conjunto de sua obra) e de SERGINHO MOAH, um dos principais cantores e uma das melhores vozes da música pop gaucha. Serviço:O QUE: Ocidente Acústico – Edição 511 – Show com LUCIANA PESTANOParticipações especiais: Bebeto Alves e Serginho MoahLançamento do CD TigraQUANDO: quinta-feira, 11 de junho de 2009 – 22 horas QUANTO: Ingressos a R$ 20,00 (vinte reais) ou R$ 30,00 (trinta reais) com direito ao CD (lote limitado). Cons. Mínima Isenta.ONDE: Bar Ocidente – João Telles esq. Osvaldo Aranha

Sobre Rock Gaúcho 13840 Artigos
O portal Rock Gaúcho está há 15 anos levando o que há de melhor do rock feito no sul do Brasil para todo o mundo através da Web! Siga-nos em nossas redes sociais e fique por dentro de tudo que acontece por aqui!