M3M

M3M: História, Hardcore punk, emoção e muito mais A banda M3M é de Maquiné, Litoral Norte do Rio Grande do Sul. Seguem a ideia e acreditam na força de suas músicas, cujas letras, como manda o Hardcore punk, carregam críticas políticas e sociais, ao mesmo tempo que ironizam o cotidiano capitalista e ainda pretendemos nao perder o clima de deboche de suas músicas, que agradam principalmente o público jovem e fazem refletir as pessoas de mais idade acerca do gosto musical. M3M = Miojo 3 Minutos. este nome“surgiu do nada, não tem nem explicação, surgiu de uma brincadeira do Norton”, afirma Carlos Rafael. O próprio nome da banda já surgiu de um clima de deboche, descontraído. A banda é constituída de 03 integrantes: Carlos Rafael (bateria), Gerônimo Ritter (guitarra e vocal) e Norton Fernandes (contrabaixo e vocal). A banda e seu caráter irônico A formação da banda é algo que beira o emocionante. No final de setembro deste ano (2012), após várias tentativas de formação de bandas com outras pessoas, os 03 artistas encontravam-se solitários, sem fazer parte de nenhum conjunto musical. Gerônimo Ritter e Norton Fernandes já se conversavam pelas redes sociais sobre uma possível parceiria para a formulação de uma banda. Foi então, em 06 de Outubro, que os 02 encontraram-se pessoalmente e resolveram transmitir a ideia para Carlos Rafael, que inclusive possui um estúdio musical. Após 06 dias, no feriado brasileiro de Nossa Senhora Aparecida, do dia 12 de Outubro, após o primeiro ensaio, Carlos Rafael resolve pegar o carro de seu pai, no fim da tarde, para andar pela cidade de Maquiné. Para este “passeio”, ele convida seu irmão mais novo, Miguel, seu amigo Micael e Gerônimo Ritter, seu amigo e parceiro (futuro) de banda. No caminho de volta para casa, na localidade da Estrada da Ilha, às margens do famoso Rio Morto, acontece o pior: Carlos Rafael, que estava no volante, não domina o carro em uma curva da estrada de chão batido e o carro capota e cai no rio, de rodas para o ar. Segundo testemunhas, o acidente foi terrível. Sobre o acontecimento: “Entendemos a mensagem; vimos que a vida é curta para pensar em arrependimentos, por isso no mesmo dia tentamos correr atrás do nosso sonho e tocamos até amanhecer. Nos sentiamos leves, sentiamos a vida.” (Gerônimo Ritter).

Contato:
E-Mail: [email protected]
Telefone (51) 9643-2558
Facebook: http://www.facebook.com/m3mHC
Soundcloud: http://https://soundcloud.com/m3mhc
YouTube: http://www.youtube.com/MiojoTresMinutos