Natura Musical apresenta “Sol do Samba”, novo single da Supervão

Supervão / Kim Costa Nunes

Psicodelia e pista, assim, bem direto, esse é o som da Supervão. E, claro, o primeiro single, do também primeiro álbum do grupo, não poderia ser nada diferente disso: Sol do Samba é psicodelia e pista e pode ser ouvida nas plataformas streaming. Com uma pegada festiva, guitarras a la Happy Mondays e beats na vibe do Teto Preto, a música dá ótimas pistas do que esperar de Faz Party, álbum que será lançado dia 26 de julho.

Capa de “Sol do Samba”, álbum da Supervão / Reprodução

A faixa que marca a estreia do novo trabalho do grupo é feita pra dançar, com uma levada mais intimista no começo, vai se tornando cada vez mais dançante: “Sol do Samba conta uma história urbana sobre uma pessoa que não acredita em mais nada no mundo. O plot twist é quando um amigo da rua a leva a um samba”, conta Mario Arruda, vocalista do grupo e responsável pela produção do álbum. Mas samba não se refere, necessariamente, ao gênero musical, mas sim a um momento de celebração. “O resultado é uma espécie de cura pela festa. Trata-se de uma passagem do niilismo à celebração festiva que cura a partir do vapor gerado pelo ato de dançar”, continua Mario.

A capa segue a estética do disco e traz uma muda de jasmin, árvore que simboliza doçura e pureza. “Tanto as imagens da capa do disco quanto as dos singles tem o teto do pós-digital: imprimir um gradiente criado por computador e depois fotografar essa impressão junto de um ambiente “natural”. Em Sol do Samba, o foco é sobre a muda de jasmin, o que mostra que o artificial e o natural não são coisas opostas, que não se misturam. Pelo contrário, essas coisas sempre podem se confundir. Talvez sejam justamente essas misturas que produzem confusão é que podem produzir outras possibilidades de vida”, reflete Mario.

Além do vocalista, que também faz as programações eletrônicas, a banda conta com Leonardo Serafini (guitarra e sintetizador) e Ricardo Giacomoni (contrabaixo e guitarra). Inclusive, a composição da música é de autoria dos três que entre as gravações revezaram os instrumentos: “é tudo em conjunto”, reforça Leo.

O disco foi selecionado pelo Natura Musical por meio do edital 2018 com financiamento da Lei de Incentivo à Cultura Pró-Cultura RS por meio da Secretaria de Estado da Cultura e do Governo do Estado do Rio Grande do Sul. “O Natura Musical foi criado para valorizar a diversidade e identidade da música brasileira”, diz Fernanda Paiva, gerente de Marketing Institucional da Natura. “Desde 2014, o edital já ofereceu recursos para 23 projetos no Rio Grande do Sul, como Dingo Bells, CCOMA, Yangos, Musa Híbrida e, agora, o Supervão”, completa.

Supervão – Sol do Samba

Sobre Rock Gaúcho 2103 Artigos
O portal Rock Gaúcho está há 15 anos levando o que há de melhor do rock feito no sul do Brasil para todo o mundo através da Web! Siga-nos em nossas redes sociais e fique por dentro de tudo que acontece por aqui!

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.