O festival Viva o Dia Mundial do Rock anuncia novo local para celebrar a data roqueira. O evento será realizado na Hebraica

Tenente Cascavel / Raul Krebs

Em homenagem ao Dia Mundial do Rock, comemorado aqui no RS desde 1989, os idealizadores da Serenata Iluminada e do Festival POA Rock estão promovendo um festival que irá reunir algumas das bandas mais queridas da cidade e o público. Em função da sequência de dias frios e previsão de chuva e umidade, o evento foi transferido para a Hebraica, no Bom Fim, onde o público e artistas terão mais conforto e abrigo. O Viva o Dia Mundial do Rock vai rolar dia 13 de julho, das 15h até a madrugada e terá bandas, gastronomia, cervejas artesanais, tatuadores e muita movimentação roqueira. Segue a venda de ingressos solidários em prol de uma iniciativa social bem bacana: o banho solidário. Quem for a Hebraica poderá levar produtos de higiene e obter descontos nos ingressos. Na programação estão bandas que formam um recorte do rock gaúcho de todos os tempos.

Além das bandas originalmente convidadas (Tenente Cascavel, Justa Causa, Cowboys Espirituais, Oly Jr. e Império da Lã), os produtores do festival promoveram uma enquete para escolher outros nomes que estivessem no imaginário do público e também novidades da cena roqueira. Nesta enquete foram escolhidos Le Batilli e Yellow Boulevard. “Nesse cenário de crise econômica e politica é preciso resistir, inovar, sem medir esforços para entregar o melhor para o público, concretizando nosso propósito de fomentar a cadeia produtiva do rock e consolidar uma agenda de apoio à cultura”, afirma Pedro Loss, idealizador e fundador do POA Rock.

A Cartolas de Dé Silveira, Deluce, Christiano Todt, Dyego Gheller e Lucas Giorgetta, pertence a uma safra de bandas nacionais que se desprendeu de rótulos ou movimentos. Não porque faça um som experimental e difícil de rotular. Pelo contrário: faz um som fácil, básico e direto, mas procura não seguir tendências ou soar antiga sendo nova. Com vários discos de estúdio e muitos quilômetros percorridos pelo Brasil afora, a Cartolas faz um som sem firulas que traz um pop rock envolto de elementos às vezes indie, às vezes dançantes. A banda recebeu premiações e esteve nos principais festivais do Brasil, entre eles Universo Parallelo, Morrostock, Pepsi Twistland, Planeta Atlântida, entre outros. Em 2011, a Cartolas abriu o show do lendário músico Eric Clapton, onde tocou para mais de 20 mil pessoas, em Porto Alegre. Com 15 anos de carreira completados em 2018, segue fazendo shows pelo Brasil. Recentemente gravou seu primeiro DVD no Agulha, em Porto Alegre.

O Império da Lã é uma junção de artistas das mais diversas formações musicais, reunidos em um grupo sem formação, estilo ou telefonefixos. Criado por Carlinhos Carneiro, Guri Assis Brasil, Chico Bretanha, Guilherme Almeida, João Augusto Lopes e Pedro Petracco – que eram de diferentes (e conhecidas) bandas da cena gaúcha, o grupo surgiu em 2007. Os amigos se reuniam pra fazer churrascos todas as semanas, e pensaram em criar uma banda sem repertório fixo, onde pudessem tocar todos os ritmos e músicas que animavam suas refestelanças (e eram tão diferentes das que já tocavam em suas bandas oficiais). Jazz, música nativista, samba, tango, cumbia, folk, soul, funk, reggae, axé, rock, pagode, é tudo prato principal no catering do Império.

Reunindo integrantes do TNT e d´Os Cascavelletes, dois dos principais expoentes do rock gaúcho das décadas de 80 e 90, o Tenente Cascavel acaba de lançar seu primeiro EP, chamado “Eletrizante Radar” em um grande show na capital gaúcha. O quarteto Tchê Gomes, Luciano Albo, Frank Jorge e Fábio Ly, apresenta em seus shows as músicas novas “Venha Ver o Nosso Show”, “A Vida é Bela”, “Tudo Faz Sentido” e “Num Dia Qualquer”, e também alguns hinos imortais do rock’n’roll local, como “Ana Banana”, “Menstruada”, “Jessica Rose”, “Sob um Céu de Blues”, “Cachorro Louco”, “Não Sei” e “Morte por Tesão”, entre outras surpresas e velharias. Com shows esporádicos e apenas um outro registro lançado até o momento, o CD e DVD ao vivo “Com Quantos Paus se Faz Rock’n’Roll”, o Tenente Cascavel matará a saudade dos seus fãs de Porto Alegre neste show do Vila Flores em homenagem ao dia do rock.

Os Cowboys Espirituais, uma das mais importantes bandas do rock gaúcho, vem com seu trio clássico de fundadores, Marcio Petracco, Julio Reny e Paulo Arcari, contando agora com King Jim na formação e a volta de Lucio Dorfman nos teclados. Neste show tocará o melhor de seus três álbuns e mais algumas surpresas.

Em tempos em que bandas e artistas estão se separando, a Justa Causa vai na contramão e está de volta como um novo grupo. Da formação original estão os músicos Marcos Hatsek, o Ratão, nos vocais, e o baterista Duda Dolls (Eduardo Benites), somando-se a eles os músicos José Henrique Drechsler, o Zikk, na guitarra, e Lucas Beltrame no baixo. Juntos, fazem um som revitalizado e com novas músicas, além dos sucessos da banda como Esquecer Jamais, As Bruxas e Eu Não Resisto, entre outras. A Justa, como é conhecida, foi uma das bandas mais tocadas e amadas do cenário do rock gaúcho, tendo no seu currículo a abertura do show dos Ramones, no estádio Beira-Rio, em 1992, também tocando em grandes festivais para 30/40 mil pessoas.

A Yellow Boulevard é formada por Pedro Nascente (vocal, guitarra, violão e harmônica), Felipe Saul (guitarra, violão e backing vocals), Matheus Cardoso (guitarras de 6 e 12 cordas e lap steel), Francisco Arias (baixo e backing vocals) e Eduardo Gaspary (bateria, backing vocals e engenharia de som). Em um tempo relâmpago, marcado por muitos ensaios e empolgação, a banda lançou seu EP de estreia, The Demo Tapes, gravado em duas horas em um estúdio improvisado em Canela/RS. Este trabalho foi o seu cartão de visitas, atraindo a atenção de fãs e seguidores. Poucos meses depois, venceram um concurso e, como prêmio, ganharam vinte horas no Estúdio SOMA, em Porto Alegre para a gravação de um single. Nessas vinte horas gravaram seu álbum inteiro, ao vivo, como se fazia na época de ouro do rock´n´roll. Lançado no dia 07 de junho de 2019, o álbum traz onze músicas autorais. Produzido pelo baterista Eduardo Gaspary, o trabalho está sendo lançado, inicialmente, nas plataformas digitais de streaming.

Oly Jr. começou sua carreira musical em 1998 tocando blues. Depois passou a incorporar elementos do rock, do folk americano/gaúcho e da milonga pampeana, fazendo desses elementos musicais referencias diretas no seu trabalho autoral. Já são 11 discos lançados, 10 deles de forma independente. Seu primeiro disco solo foi produzido por Egisto dal Santo. O artista já teve participação no álbum duplo – ao vivo “Os Blackbagual” que compõe a caixa “Bebeto Alves em 3D”, é guitarrista da banda Os Irish Boys, que acompanha o músico/compositor Julio Reny, tendo participado de dois discos do artista. Participou de festivais e eventos como “Moinho da Estação Blues Festival”, “Iguape Jazz&Blues”, da coletânea internacional “Rock 4 Life”, da coletânea “Blues na GP” promovide e distribuído pela Revista Guitar Player Brasil. Recebeu quatro troféus do “Prêmio Açorianos de Música”, como Melhor Disco, Melhor Compositor e Melhor Intérprete na categoria Blues/Jazz, com o disco “Milonga Blues” e Melhor Intérprete na Categoria Pop com o disco “Milonga em Blue (Notas do Delta)”.

Com o disco “Retalhos”, lançado em 2017, e os shows que vieram a partir deste trabalho, Le Batilli conquistou o público. O disco abriu muitas oportunidades, inclusive a participação em um festival gaúcho que ocorreu em setembro de 2017 no Araújo Viana. Em 2018 participou do disco e do festival Poa Rock, idealizado pela rádio Putzgrila. Agora traz suas novidades a este show da Hebraica, ao lado de importantes bandas do rock gaúcho.

VIVA O DIA MUNDIAL DO ROCK – 2019
Dia 13 de julho, sábado, das 15h até a madrugada
Hebraica – Rua General João Telles, 508 – Bom Fim

Ingressos:
2º lote inteira promocional 65,00 / meia-entrada 45,00 / solidário 55,00
3º lote inteira 100,00 / meia-entrada 50,00 / solidário 60,00

* ingresso solidário com doação de artigos de higiene para o projeto “Banho Solidário”
* venda física (somente em dinheiro) na Lancheria do Parque (Av. Osvaldo Aranha, 1086) a partir do dia 01 de julho
* venda online no Sympla: link www.sympla.com.br/vivaodiamundialdorock

Sobre Rock Gaúcho 2103 Artigos
O portal Rock Gaúcho está há 15 anos levando o que há de melhor do rock feito no sul do Brasil para todo o mundo através da Web! Siga-nos em nossas redes sociais e fique por dentro de tudo que acontece por aqui!

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.