O que sete das principais bandas gaúchas planejam para 2012

Se as principais bandas do Estado fizessem resoluções de Ano-Novo, provavelmente seria não ficar paradas. Zero Hora conversou com Cachorro Grande, Bidê ou Balde, Fresno, Wannabe Jalva, Apanhador Só, Pata de Elefante e Nenhum de Nós sobre seus planos para este ano. Grandes turnês, lançamentos em formatos inovadores, documentários e shows ao vivo registrados em DVD e, finalmente, discos de inéditas – ao menos no plano das ideias, a música gaúcha tem bons momentos garantidos em 2012.

Apanhador Só

A Apanhador Só chama a atenção no circuito independente desde o EP Embrulhado para Levar (2006), mas foi o álbum de estreia homônimo, de 2010, que deu ao quarteto visibilidade privilegiada – incluindo a indicação à banda revelação no VMB 2011.

Para 2012, a Apanhador está com a agenda cheia. A faixa Nescafé, regravada pelo conterrâneo Filipe Catto em seu disco de estreia, Fôlego (Universal), é a próxima a ganhar videoclipe e turnê de divulgação.

Mal termina de trabalhar seu bem recebido disco, a Apanhador pretende lançar dois singles e entrar em estúdio com uma ajudinha dos fãs que conquistou Brasil afora para gravar o próximo álbum no esquema crowdfunding.

– É provável que tenha alguma coisa a mais, mas isso é o que por enquanto está certo, se as vicissitudes dessa vida semibandida independente não nos atravancarem demais o caminho – afirma o vocalista Alexandre Kumpinski.

Fresno

Para a Fresno, 2012 é um recomeço. Lucas, Tavares, Vavo e Bell abandonaram a gravadora Arsenal, de Rick Bonadio, e voltaram a ser independentes. Era questão de sobrevivência para uma banda que deu os próprios passos rumo ao mainstream e acabou tendo de conformar seu processo de criação aos interesses da gravadora e de seu produtor.

– Já me via escrevendo música pensando (nessa necessidade). E essa negociação jogava a espontaneidade para projetos solo – diz Lucas.

Neste ano, o principal compositor do grupo diz ter nos planos um álbum formado por três EPs. O primeiro – O Cemitério das Boas Intenções – já foi lançado, e confirma a tal espontaneidade no peso do instrumental e dos temas de algumas canções. Os próximos dois registros devem mostrar outras ideias. No meio disso tudo, os planos da Fresno incluem um DVD ao vivo, com participação de outros artistas gaúchos.

Bidê ou Balde

Banda seminal da retomada do rock gaúcho no começo dos anos 2000, a Bidê ou Balde entra em 2012 sorrindo à toa. Após um hiato de oito anos sem soltar um disco completo de músicas inéditas, o grupo marcou para o primeiro semestre o lançamento de Eles São Assim e Assim Por Diante. Antes, no início de 2011, a Bidê havia soltado um EP com cinco faixas, Adeus Segunda-Feira Triste, e no final do ano, o single Lucinha – além de disponibilizar toda a sua discografia para baixar de graça.

Mas agora, garante o vocalista Carlinhos Carneiro, é pra valer. Ou não.

– Esse disco é composto com material nosso de 2007, que fomos recriando em estúdio nos últimos anos. Então, não dá para saber como vai soar, né?

Carlinhos conta que o disco já tem 11 faixas oficiais gravadas, mas outras podem entrar antes da bolacha ir para masterização no Exterior – provavelmente no famoso Abbey Road. Enquanto isso, a Bidê segue uma agenda de shows pelo Interior e litoral gaúcho, projeta datas para o centro do país, planeja um DVD para o meio do ano e faz propaganda de sua participação na coletânea em homenagem ao Plato Divorak. Fora o clipe para Lucinha, que está para ser lançado.

– Não dá para reclamar, 2012 vai ser muito bom
– aposta Carlinhos.

Pata de Elefante

Se a Pata de Elefante acabasse agora, teria uma boa história para contar. Mas os 10 anos de história do trio formam um livro inacabado, que eles pretendem seguir escrevendo em 2012 – como um sexteto.

– Estamos gravando um disco com esta formação: eu, Gabriel Guedes, Daniel Mossmann e mais Júlio Rizzo (trombone), Luciano Leães (teclado) e Edu Meirelles (baixo) – diz o baterista Gustavo Telles.

O aperitivo foram os dois shows de aniversário no Ocidente, que deram a dimensão do quanto o trio adicional acrescenta ao molho. Agora, quando não são as guitarras, é o trombone quem faz a “voz”.

O disco resultante deve ser lançado em junho, seguido de turnê nacional. Até lá, a banda pode soltar dois clipes do álbum Na Cidade (2010) que já estão prontos – de Diga-me com Quem Andas E Te Direi Se Vou Junto e À Luz de Velas – e tem material de arquivo para um documentário.

Wannabe Jalva

Fenômeno independente porto-alegrense, a Wannabe Jalva lançou seu primeiro disco em 2001 e já tocou ao lado de Vampire Weekend e Two Doors Cinema Club no MECA Festival abriu os shows do indie Cut Copy e do gigante Pearl Jam.

Para 2012, a banda está focada no lançamento do seu primeiro clipe, ainda em fase de produção, e em continuar avançando na divulgação do disco.

– Estamos nos estruturando para conseguir ir mais longe. Já temos uma equipe e correndo atrás de contatos com mídias em outros Estados – adianta Tiago Abrahão, um do multi instrumentistas do grupo.

Nenhum de Nós

O Nenhum de Nós lançou em 2011 Contos de Água e Fogo, seu 12º álbum de estúdio e fez mais de 90 shows de Norte a Sul. E segue em turnê em 2012 – tanto que não planos para material inédito.

O quinteto planeja para o ano o lançamento de um DVD, cujo formato ainda está sendo estudado. Certa mesmo está a finalização de um novo vídeo para as faixas Água e Fogo e Pequena.

Em disco, Thedy Corrêa adianta que este semestre deve chegar às lojas uma coletânea com covers que o grupo fez ao longo de sua história, com faixas como Sangue Latino e Um Girassol da Cor do Seu Cabelo, além de uma inédita, Ideologia, de Cazuza.

Cachorro Grande

Parece que 2012 começou em 2011 para a Cachorro Grande. No meio do ano que passou, a banda gaúcha radicada em São Paulo gravou seu primeiro DVD no Circo Voador, no Rio. Em dezembro, lançou e botou para download gratuito seu sexto disco de estúdio, Baixo Augusta. Agora, planejam pegar a estrada.

– Queremos ir para os quatro cantos do Brasil e já temos datas fechadas – diz o vocalista Beto Bruno.

Para a divulgação do álbum, um novo site deverá entrar no ar em breve e há planos para pelo menos três novos videoclipes além do já lançado Difícil de Segurar. Além de um lote em vinil de Baixo Augusta.

Sobre Rock Gaúcho 13768 Artigos
O portal Rock Gaúcho está há 15 anos levando o que há de melhor do rock feito no sul do Brasil para todo o mundo através da Web! Siga-nos em nossas redes sociais e fique por dentro de tudo que acontece por aqui!