Suco Eléctrico

Oh, Yeah! Oh, No! O jogo dos extremos do Suco Eléctrico. Liquidifique-se ao som do novo single da banda sulista. Oh Yeah!, Você Não Mereceu e Não Vou Desligar é o primeiro tira-gosto. Prove o jogo dos extremos. Uma mistura prazerosa de rock, literatura beatnik, psicodelia, atitude punk, MPB e música progressiva. Suco Eléctrico. Do It Yourself! A cada esquina, surge uma surpresa. Faíscas. Formas dissonantes. Centelhas sonoras. Criado no inverno de 2000, em Porto Alegre, o projeto une a inquietação dos irmãos Rauen, a vocalista Dani, o baterista e vocalista Alexandre e o guitarrista Augusto, ao multiinstrumentista Cássio Cunha e o baixista Fernando Rodrigues. Está tudo em casa. Isto é que é delícia! Bossa nova metal. Neste terreno fértil, já surgiram dezenas de composições. Sonoridade em mutação. Caldeirão. E desde 2004, a Suco Eléctrico grava as doze canções de seu primeiro álbum, ainda sem nome definido. O projeto traz a produção musical do compositor Marcelo Fruet, responsável pela sonoridade de bandas como Proveitosa Prática, Groove James, Subtropicais e outros artistas gaúchos. Se de um lado, a banda carrega na mochila a lisergia, uma referência à contra-cultura, de outro, está o new journalism. O nome da banda é livremente inspirado em um livro de Tom Wolfe, O Teste do Ácido do Refresco Elétrico, editado pela Rocco no Brasil. Não deixe entrar água na casa das máquinas! Contra as moléstias do corpo e da alma, o marasmo do cotidiano e a caretice do sistema, contamine-se pelo rock de oposição. Beba Suco Eléctrico! Suco Eléctrico é: Dani Rauen – vocal Cássio Cunha – guitarra, teclado e vocais Alexandre Rauen – bateria e vocal Fernando Rodrigues – baixo Augusto Rauen – guitarra

Contato:
E-Mail: [email protected].br
Site: http://www.sucoelectrico.com