Tagua Tagua lança versão ao vivo de Mesmo Lugar registrada à distância

Tágua Tágua / Rafael Rocha

O produtor musical Felipe Puperi anunciou o primeiro disco solo do projeto Tagua Tagua, Inteiro Metade (Natura Musical), para este ano e, depois do primeiro single, que ganhou o nome do álbum, foi a vez de Mesmo Lugar, lançado em Abril. E depois, assim como todo o mundo, a pandemia da Covid-19 fez o artista repensar o seu planejamento. Enquanto prepara os lançamentos dos próximos singles, até o disco, Tagua Tagua divulga uma versão da mais recente canção. Gravado à distância, com direção de Felipe, o vídeo de Mesmo Lugar na versão Quarentena Sessions reúne os instrumentistas Leo Mattos (bateria), Rafael Findans (baixo), João Inácio da Silva (guitarra), Mauro Oliveira (sax), Diego Calderoni (trombone), Reynaldo Izeppi (trompete), além de Felipe na guitarra. Neste embalo, o projeto anuncia também a parceria com o selo espanhol Costa Futuro, que será o responsável por lançar Inteiro Metade na Europa.

Não foi fácil para Felipe ver tudo adiado, o artista já estava com shows marcados para a turnê de lançamento do álbum, previsto, inicialmente, para Abril. E num misto de sentimentos, entre a frustração e a vontade de executar as faixas do disco, decidiu registrar Mesmo Lugar ao vivo com a banda completa. “Foi bem interessante, pois a gente nunca tocou essa música juntos. A galera do sopro gravou ela em Maio de 2019 e, fora eles, o único que tocou na gravação foi o Leo Mattos, que gravou bateria. De resto, eu gravei todos instrumentos. A gente não sabia muito bem como soaria isso, mas no fim fiquei bem impressionado que ficou fiel à versão original”, conta Felipe.

Mesmo Lugar é uma canção que embala e faz o corpo dançar. “Com certeza, uma das mais animadas do disco. Foi a primeira a ser composta quando imaginei ter um álbum completo, pois flerta bastante com o soul, gênero que eu gosto muito. Isso é bem notável na levada da bateria e também nas frases de sopros”, revela Felipe. O próximo single será 4am, com data marcada para lançamento dia 19 de junho.

“Os curadores de Natura Musical selecionaram o projeto Tagua Tagua, de Felipe Puperi, por entenderem que a obra do artista gera impacto positivo ao contribuir para discussões socioculturais importantes para a construção de um futuro melhor para todos nós”, diz Fernanda Paiva, gerente de Marketing Institucional da Natura. “Desde 2014, o edital já ofereceu recursos para 30 projetos no Rio Grande do Sul, como Dingo Bells, Bloco da Laje, Supervão e Musa Híbrida”, complementa.

Tagua Tagua - Mesmo Lugar (Quarentena Session)

Sobre Rock Gaúcho 2881 Artigos
O portal Rock Gaúcho está há 15 anos levando o que há de melhor do rock feito no sul do Brasil para todo o mundo através da Web! Siga-nos em nossas redes sociais e fique por dentro de tudo que acontece por aqui!

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.